Homens do Divã

compre seu ingresso aqui

Sala: Dina Sfat

Classificação Etária: 14 anos

Dias e Horários: Sextas e Sábados às 21h30 e Domingos às 20h.

Duração da Temporada: Reestreia: 10/01/2014 à 23/02/2014

Valor do Ingresso: R$ 60,00 (inteira) e R$ 30,00 (meia entrada)

Sinopse: Em cartaz desde Junho, com duas temporadas bem sucedidas na capital, a comédia Homens no Divã prorroga a temporada no Teatro Ruth Escobar, em São Paulo, com apresentações às sextas-feiras e sábados, às 21h30, e aos domingos, às 20 horas, a partir de 10 JANEIRO 2014:
Na antessala da psicanalista (cuja voz é de Marília Gabriela), três homens desesperados por suas mulheres se encontram e se tornam amigos. É nesse inusitado encontro que o enredo adaptado pelo diretor Darson Ribeiro se estabelece com eficácia: o público se diverte em poder ir acompanhando as revelações e transformações de três personalidades bem distintas que na verdade, compõem o universo masculino.
Guilherme Chelucci vive Renato Paes de Barros Seabra – um sedutor oficial do Corpo de Bombeiros com fama de “galinha”. Olivetti Herrera interpreta Carlos Eduardo Carrara-Travertino, um médico obstetra narcisista. E Darson Ribeiro está na pele de Fred (Frederico Freitas Fernandes) um executivo da Eletropaulo que é traído pela mulher.
Foi com a intenção de elucidar os machões de plantão, e amenizar a fama de que os homens não falam sobre si, que Darson decidiu adaptar e dirigir o texto original de Miriam Palma – Desesperados – dando mão à palmatória, expondo fraquezas, mas, também dúvidas. E, tudo isso, num divã freudiano.
Para brincar com o fetiche feminino, o diretor buscou tipos de homens com profissões bem reconhecidas nas três personagens: bombeiro, executivo e médico. E, ainda convidou Marília Gabriela para uma participação especial na voz da Dra. Maczka.
Sem falsos moralismos, o texto traz à tona as inúmeras facetas das relações discutindo traição e sexo, assim como o verdadeiro amor entre um homem e uma mulher, levando inclusive à possibilidade do perdão. Deles, dos homens, é claro! Esta é uma cena onde a personagem de Darson interage com o público, pedindo respostas a eles. Uma das mais aplaudidas da peça.

Os três vão mesclando suas idiossincrasias às suas personalidades tornando-se inseparáveis. O divã, ao invés de reduzido entre paciente e terapeuta, rompe as quatro paredes em todos os ambientes frequentados por eles, como academia, balada, e até um workshop onde realmente o turning-point acontece. Tudo isso numa linguagem altamente coloquial e gostosa de ouvir.
Cenário e figurinos do próprio diretor contrapõem o classicismo freudiano e o órgão genital feminino (divã) – isso em cores e formas. A Luz, com supervisão de Guilherme Bonfanti cria o clima tenso do início (homem na terapia) e vai aos poucos amenizando, acompanhando a trajetória dos três até o ápice quando recebem alta numa surpreendente declaração de amor de ninguém menos ninguém mais que a tão temida psicanalista.

Elenco: Olivetti Herrera, Guilherme Chelucci e Darson Ribeiro

Gênero: Comédia

Cia:D.R. Produções

Nome do espetáculo: Homens do Divã

Duração do espetáculo: 90 minutos

Autor: Miriam Palma e Darson Ribeiro

Diretor: Darson Ribeiro

Video(os):


Copyrigth © Todos os Direitos Reservados à APETESP - 2003/2010 - By Rodrigo